Como funciona o acesso 3G gratuito de alguns modelos de Kindle

Todos os modelos do e-reader Kindle da Amazon oferecem acesso à Internet via wi-fi, para você poder comprar e baixar seus ebooks, sincronizar sua leitura, e até mesmo navegar na Internet.

Alguns modelos oferecem, além de wi-fi, o acesso 3G, como é o caso do Kindle Paperwhite 3G, que foi recentemente lançado oficialmente no Brasil. Entenda agora como funciona esse acesso 3G no Kindle.

O que é acesso 3G?

O acesso 3G oferecido com o Kindle é o mesmo acesso 3G que você tem no seu smartphone. Ou seja, é o acesso à Internet através da rede de telefonia celular.

Note no entanto que o Kindle já vem com um chip embutido, você não pode trocá-lo como faz no seu smartphone. Este chip é instalado e provido pela Amazon, você nem precisa saber que ele existe. É a própria Amazon que fornece o chip no Kindle e ela já negociou com várias operadoras ao redor do mundo para que este serviço esteja disponível para os usuários de Kindle.

Onde o acesso 3G do Kindle está disponível

Segundo o site da Amazon, este serviço está disponível em mais de 100 territórios e países. Em informações não-oficiais, comenta-se que aqui no Brasil a parceria da Amazon é com a operadora VIVO. De fato, há um local no estado de São Paulo para onde eu costumo viajar que a única operadora que tem sinal ali é a VIVO (já testamos a TIM, Claro e Oi, sem sucesso), e meu Kindle consegue pegar sinal 3G lá.

Há localidades que não possuem o serviço 3G mas oferecem conexão Edge, que é mais lenta, mas dá para “quebrar o galho”.

Assim como acontece nos celulares, o Kindle procura o sinal, conecta com a operadora e estabelece a conexão 3G ou Edge, nesta ordem. Se não houver sinal, ele mostrará o ícone das barrinhas de sinal em cor cinza bem clara, para indicar que não há conectividade.

Para checar o mapa de cobertura do acesso 3G para o Kindle no mundo todo, clique aqui.

Esse acesso é gratuito mesmo ou tem que pagar alguma coisa?

Kindle com acesso 3G na praiaA resposta curta é sim, o acesso em si é gratuito (com exceção de alguns serviços que vou explicar a seguir), mas lembre-se que você paga pela diferença de preço entre o modelo sem 3G para o modelo com 3G. No caso do Brasil, nós temos o Kindle Paperwhite, cujo modelo tradicional, sem 3G, custa atualmente R$ 479,00; o Kindle Paperwhite 3G, que como o nome sugere oferece o acesso 3G, custa atualmente R$ 699,00.

Depois de comprar seu modelo com 3G, você não paga mais nada para fazer o seguinte via acesso 3G:

  • acessar a loja da Amazon para comprar ebooks para o seu Kindle;
  • baixar os ebooks que você comprou na loja da Amazon;
  • sincronizar a leitura;
  • acessar o Wikipedia.

Portanto, se você estiver em qualquer lugar do mundo onde consiga um sinal 3G para o seu Kindle, você poderá comprar novos ebooks, baixar qualquer ebook que você já comprou e pesquisar na Wikipedia durante a leitura sem pagar nada por isso.

Como você deve saber, o Kindle vem com um browser embutido que te permite acessar a Internet. Este browser fica restrito para acessar apenas a loja de ebooks da Amazon e o site da Wikipedia se você estiver conectado à Internet através do acesso 3G (há uma exceção com relação a modelos mais antigos que vou mencionar a seguir). Se estiver usando wi-fi, aí sim você poderá acessar qualquer site sem restrição.

Sobre a cobrança para download de documentos pessoais

Como eu expliquei no artigo Como transferir arquivos para o Kindle por email, você pode enviar arquivos pessoais para sua biblioteca pessoal da Amazon por email e baixá-los no seu Kindle.

Este serviço é completamente gratuito se você usar apenas o acesso via wi-fi no Kindle para baixar estes arquivos. No entanto, se você quiser baixar algum destes seus arquivos pessoais via 3G, aí a Amazon cobra uma taxa, que é de US$0,99 (99 centavos de dólar) por megabyte baixado, conforme informação que consta nesta página na Amazon.

Na loja americada da Amazon você pode desabilitar o download de arquivos pessoais via 3G e assim não correr o risco de ser cobrado por esta taxa. Para isso, acesse o site da Amazon, vá para o rodapé de qualquer página e clique no link Manage Your Kindle. Localize do lado esquerdo da página o conjunto de links entitulado Your Kindle Account, e clique no link Personal Document Settings.

No painel central, localize o título Whispernet Delivery Options. Para desligar o download de arquivos pessoais via 3G, garanta que o item Whispernet Delivery Over 3G esteja como Not enabled, conforme mostrado na imagem abaixo. Se ele estiver ligado (Enabled), basta clicar no link Edit do lado direito e desmarcar a opção Enable delivery to my Kindle over Whispernet.

kindle email 04

Este configuração não existe na loja brasileira. Na verdade, este serviço nem sequer está disponível para os usuários da loja brasileira, conforme informações da seguinte página da Amazon:

http://www.amazon.com.br/gp/help/customer/display.html?nodeId=200767340

Veja a informação sobre as lojas internacionais que não possuem o serviço Whispernet via 3G no tópico “Taxas do Serviço de documentos pessoais do Kindle”. Portanto se o seu usuário é da loja brasileira, você não poderá baixar arquivos pessoais via 3G mesmo se quisesse pagar a taxa para tal, esta possibilidade não existe (atualmente).

Lembrando que esta taxa somente será cobrada se você baixar arquivos pessoais via 3G. Se baixar ebooks comprados na Amazon via 3G, esta taxa não será cobrada. Na verdade, a Amazon quer que você possa comprar e baixar ebooks comprados onde quer que esteja, esse é o objetivo do acesso 3G. Quanto aos seus arquivos particulares, se você baixá-los via wi-fi, também não será cobrada esta taxa.

Sobre a cobrança para download de assinaturas

Se você compra seus ebooks na loja americana da Amazon, você tem também a opção de fazer assinatura de periódicos (jornais e revistas) e também de blogs. Note que este serviço ainda não está disponível na loja brasileira.

Quando há novos conteúdos disponíveis destas assinaturas, eles são automaticamente baixados no Kindle, quando este se conecta à Internet via wi-fi. Você pode também usar o acesso 3G para baixar o conteúdo destas assinaturas, mas para isso a Amazon cobra uma taxa somente se o usuário está usando o acesso 3G fora dos Estados Unidos, que é US$4.99 por mês.

Se não quiser pagar estas taxas, você poderá, como eu mencionei, baixar este conteúdo via wi-fi, ou baixá-lo para um computador e transferí-los manualmente via cabo USB para o Kindle.

Observação sobre outros modelos de Kindle com 3G

O único modelo sendo vendido atualmente no Brasil que oferece acesso 3G é o Kindle Paperwhite 3G. Nos Estados Unidos, a Amazon também vende atualmente o Kindle Keyboard 3G, que é o modelo do meu Kindle.

O Kindle Keyboard 3G e alguns outros modelos mais antigos de Kindle com acesso 3G não possuem a restrição de acesso a sites quando o acesso é feito via 3G. Ou seja, nestes modelos você pode acessar qualquer site via browser mesmo estando conectado via 3G. Eu mesma já usei este recurso várias vezes.

No entanto, recentemente a Amazon implementou uma outra limitação para estes modelos: agora, o usuário só pode usar 50MB por mês do 3G gratuito com acessos que não sejam para a Amazon. Em outras palavras, se for para comprar um ebook ou baixar um ebook comprado, pode usar à vontade. Se for para navegar na Internet, o limite se aplica.

Vale a pena comprar um modelo com 3G?

Na minha opinião, os modelos com acesso 3G não valem tanto a pena hoje quanto valiam antes, quando podia-se usar o browser para navegar em outros sites além da Amazon e Wikipedia. Mas a decisão se vale a pena para você depende destes fatores:

  1. A diferença de preço entre os modelos é acessível para você?
  2. Você se vê precisando acessar a Amazon para baixar novos ebooks ou comprá-los em locais onde não há wi-fi?
  3. Você viaja bastante e quer poder comprar e baixar ebooks sem se preocupar em procurar uma rede wi-fi?

Se você responder sim a pelo menos duas destas questões, o acesso 3G pode ser bastante útil para você. Pense se você está disposto a pagar a diferença de preço para poder comprar e baixar ebooks em qualquer lugar, sem ter que se preocupar em procurar uma rede wi-fi.

Autor: Cristiane Ferreira

Cristiane Ferreira trabalha há 24 anos com Tecnologia da Informação, principalmente na área de Internet. Ela curte tecnologia e gosta muito de escrever, e também gosta de ajudar as pessoas a navegar no mundo dos eletrônicos e Internet.

Compartilhe este artigo no

37 Comentários

  1. Comprei um Kindle neste fim de semana e estou a procura de bons sites sobre o assunto “vida sem papel”. Além do seu, pode indicar outros? Já vi o EbookBR, e só. Grato

    Envie uma resposta
    • Olá! Aqui no Brasil não tem muitos sites específicos sobre Kindle, por isso eu estou focando neste assunto. Sobre ebooks (e eles também falam sobre Kindle de vez em quanto) eu só costumo ler o EbookBR que você mencionou, e o revolucaoebook.com.br, só que eles focam mais no formato EPUB, e portanto não dão muita ênfase ao Kindle.
      Se quiser um ótimo blog sobre leitura em geral, recomendo o http://www.leitoraincomum.com. Ela possui um tablet e usa o aplicativo Kindle, então de vez em quando ela também fala sobre ele.
      Um grande abraço!

      Envie uma resposta
        • Olá Cris. Sempre encontro algo de útil nas tuas postagens. Não apenas sobre o Kindle, é claro.

          Fui conferir o link do “leitoraincomum.com” e não funfa, mas abre uma nova tela que nos levam até lá.
          Será algum problema? – abç

        • Gilmar, muito obrigada, fico muito feliz. Sobre o link, acho que a autora mudou alguma coisa no site, pois agora precisa do “www” senão não funciona. Então o link correto é:
          http://www.leitoraincomum.com/
          Obrigada por avisar, vou corrigir na minha resposta acima para evitar problemas.
          Um grande abraço!

        • Obrigado Cris. – Corrigido e fluindo bacana.
          Gostei do site.

      • Cris, obrigado pelo seu esclarecimento. Acabou minha dúvida. Vou comprar um Kindle sem 3G.

        Envie uma resposta
        • De nada, Reginaldo, fico feliz em ajudar. Se tiver mais alguma dúvida, é só falar.

  2. ol]]Olá, será que pode me ajudar, Cris, já tentei de várias formas mas não consigo resolver. Comprei de uma senhora um Kindle Keyboard Branco Serial B003A que segundo o site da Amazon é wi fi e 3 G . No entanto, não consigo me conectar por nenhum dos dois, sempre aparece uma mensagem quando tento ligar o wi fi “Your Kindle is unable to conect at this time. Please try again later”

    Sabe como posso resolve isso?

    Grande beijo!

    Envie uma resposta
    • Lucas, vamos tentar…
      Peço que tente o seguinte: puxe e segure por uns 15 segundos o botão liga/desliga, puxe e não solte, por 15 segundos, até a tela apagar.
      Depois que a tela apagar, espere mais uns 15 segundos, e ligue-o novamente. Ele vai demorar um pouco mais pra ligar, OK? E depois de ligar, ele vai reler todos os seus arquivos. Se sua biblioteca for grande, tenha um pouquinho de paciência pois pode demorar alguns minutos.
      Depois disso, tente ligar o wireless novamente.
      Por falar nisso, você já configurou sua rede wi-fi? Vai que o modelo não é 3G, é melhor configurar o wi-fi para garantir.
      Avise-me se isso resolveu, OK?
      Um grande abraço!

      Envie uma resposta
      • Obrigado pelo retorno Cris, Fiz como sugeriu, ele reiniciou, então tentei o login mas ele diz que está “unable” . Aí manda dar um Restart e tentar novamente. 🙁

        Um cara no facebook disse que às vezes quando um Kindle dá problema eles enviam outro e pedem à pessoa que descarte numa empresa de reciclagem. O e reader continua lendo, mas não entra na internet. Já ouviu falar disso?

        Envie uma resposta
        • Lucas, eu pesquisei no fórum da Amazon, e de fato eles pedem para que o usuário entre em contato com a Amazon se o reset (que foi o procedimento que te passei) não funcionar. Mas ainda não tenho certeza se a configuração do wi-fi que está no seu Kindle está correta, mas aí só você pode confirmar.
          De qualquer forma, não custa nada contactar a Amazon.
          Para isso, entre no site da Amazon onde você criou seu usuário e registrou o Kindle. Vá até a parte inferior da página, localize o menu “Deixe-nos ajudá-lo” e clique no link “Ajuda”. Do lado direito da página, você encontrará o menu “Auto atendimento”. No final dele, clique no botão “Fale conosco”.
          Na tela seguinte, no item 1, selecione a opção central “Kindle”, e então selecione o seu Kindle que está com problemas. Se ele não estiver na lista, clique no link “Meu Kindle não está aparecendo”.
          No item 2, no item “Selecione um assunto”, selecione a opção “Dispositivo Kindle”. No item “Escolha um assunto específico”, selecione “Conexão a uma rede sem fio”. Em “Selecione os detalhes adicionais”, selecione “Problemas ao conectar Kindle na wi-fi”.
          Depois, é só escolher se você prefere enviar um email descrevendo o problema, ou se quer que a Amazon te ligue de volta (eu recomendo que ligue, para você poder explicar melhor a história toda).
          Se houver mais alguma coisa que eu possa ajudar, é só falar.
          Um grande abraço!

        • |Cris, eles retornaram, a atendendente tentou por mais de meia hora solucionaar o problema, no fim descobriu que meu kindle foi perdido ou roubado, por isso está bloqueado para o wi fi e o 3G.

          Fui logrado.

          Bedjo!!

        • Puxa vida, Lucas, que pena! Tomara que você ainda consiga ir atrás da pessoa que te vendeu.
          Você ainda conseguirá usar o Kindle transferindo arquivos manualmente para ele, inclusive arquivos comprados na Amazon, mas infelizmente perderá muitas funcionalidades sem o acesso à Internet, como o sincronismo. É uma pena mesmo… 🙁
          Abraços!

  3. Cris, não sei se já postou aqui ou irá postar, mas ontem (14082013), finalmente a amazon liberou update para os teclados do Kindles Fire em português. Uma maravilha!!!

    Envie uma resposta
  4. “Este configuração não existe na loja brasileira. Eu entrei em contato com o suporte da Amazon, que me informou que realmente esta configuração não está disponível no site, mas eles configuraram o valor máximo autorizado para cobrança por este serviço em minha conta como R$0,00, que na prática desabilita qualquer cobrança.”

    Você só mandou um e-mail para o suporte? Eu também adquiri um Kindle Keyboard 3G, e quero deixar essa opção desabilitada… Achei um absurdo essa cobrança, para falar a verdade. Quando peguei esse modelo, achei q seria REALMENTE útil ter o 3G, principalmente pq mandou mtos documentos pessoais. Mas pagar 2 reais (convertendo o valor, mais ou menos) pra quando precisar usar dá raiva, né? Quero dizer, tenho 3G no meu cel, posso mandar a qualquer hora um documento, aula digitada ou coisa assim para o meu da Amazon para puxar no meu Kindle, mas teria q pagar carérrimo por documento se não tivesse wi-fi…? QUE RAIVA!

    Envie uma resposta
    • Ize,
      Sim, entre em contato com a Amazon pedindo para que eles bloqueiem a cobrança do uso do 3G para documentos pessoais.
      Mas não se engane, você pode usar o 3G à vontade para comprar e baixar ebooks da Amazon, e pode acessar a Internet (no caso do seu modelo, pode acessar qualquer site) usando até 50MB por dia, isso tudo é gratuito! A única coisa que é paga é se você quiser baixar um documento pessoal que você enviou para sua biblioteca por email, só isso, entendeu?
      Lembrando que a presença do chip 3G no Kindle foi concebida única e exclusivamente para você poder comprar ebooks e baixá-los de qualquer lugar onde tenha sinal, entende a estratégia? Mas mesmo assim, você ganha 50MB diários para um quebra-galho de emergência sem ter que pagar por isso. Na minha opinião, por ser um e-reader, está ótimo.
      Ficou claro? Só paga para baixar documentos pessoais, OK?
      Um grande abraço!

      Envie uma resposta
  5. Olá Cris,

    No Kindle Paperwhite 3G eu consigo navegar à vontade na Internet pelo 3G se eu pagar uma taxa?

    Envie uma resposta
    • Darien,
      Não, não existe a opção de pagar a mais e usar à vontade. O propósito do 3G é permitir que você compre e baixe ebooks em qualquer lugar, só isso.
      Um grande abraço!

      Envie uma resposta
  6. Cris, boa tarde! Vale a pena comprar um Kindle? Seja sincera.

    Envie uma resposta
  7. Cris,

    Obrigado, quase comprei o 3G que no momento não é interessante.

    Você acha que a funcionalidade de acesso a demais sites via browser pode voltar a funcionar?

    Abraço.

    Envie uma resposta
    • Cambria, eu acredito que não. Imagine que a diferença de preço que a Amazon embute para pagar o acesso 3G é fixo, mas se o usuário cuida bem do seu Kindle (como é o meu caso), imagine quantos anos ele irá usar 3G gratuito? Imagino que essa mudança foi para a Amazon não aumentar o preço do Kindle com 3G, e por isso eu acho que ela não voltará atrás. Afinal, ela também vende tablets, para o público que precisa de acesso à Internet para valer (afinal, acessar a Internet no browser do Kindle é só para emergências mesmo).
      Como alternativa, eu sugiro compartilhar o 3G do celular via wi-fi. Hoje em dia, quase todo mundo tem um smartphone iOS ou Android que faz isso.
      Um grande abraço!

      Envie uma resposta
  8. Cris, tenho o kindle keyboard 3g e ainda tenho dúvidas. Comprei o meu kindle usado no ebay. É fantástico e foi um bom negócio. Não assinei nenhum contrato com a amazom para eles me cobrarem um valor se ultrapassar os 50mb como você refere. Então como é que eles me vão cobrar?

    Realmente consigo entrar na loja da amazom e baixar os livros da minha núvem com o 3g (até agora entra na núvem sem pedir pagamentos). Mas não tenho qualquer acesso à internet – não consigo entrar noutros sites. Você diz que podemos acessar mas eu não sei como.

    Como comprei o kindle no reino unido pode ser que o contrato que fizeram seja diferente apesar de o usar em portugal.

    Realmente dou-lhe razão. As pessoas que compram um kindle novo com 3g devem ser pessoas que viajam e lêm muito. É muito caro. Na minha opinião só compensa para pessoas que vejam este serviço como uma forma de conforto. De outro modo fica insuportável.

    Cump

    Envie uma resposta
    • Esqueci-me lhe perguntar uma coisa. Li algures que é possível colocar-mos o kindle a ler textos em português se instalar-mos um conjunto de ferramentas no kindle. Você sabe como se faz isso?

      Envie uma resposta
      • Ro, para isso é preciso fazer o jailbreak do Kindle. Eu não gosto de fazer isso em nenhum dos meus eletrônicos, por isso nunca nem tentei.
        Mas se você quiser tentar, veja como fazer neste post:
        http://www.ebookbr.com/2011/11/text-to-speech-em-portugues.html
        Como você sabe, eu costumo avisar os leitores, então não posso deixar de alertá-lo que ao fazer o jailbreak você perde o suporte do fabricante (mesmo sem garantia, ainda dá para pedir ajuda, mas se houver algum problema e eles souberem que há jailbreak, eles não ajudam mais), e além disso, se houver algum problema no processo de jailbreak, o equipamento pode ficar inutilizado. Mas não se sinta desmotivado, eu aviso pois acho importante deixar os leitores cientes destas questões, como já discutimos em outro tópico, OK?
        Boa sorte!

        Envie uma resposta
    • Ro, sobre o uso do 3G, até onde eu sei, não existe cobrança de excedente. Se você usar 50MB, não consegue usar mais (apenas para sites que não são a loja da Amazon ou o Wikipedia, estes continuam funcionando).
      Ressalto que a única cobrança que pode ser feita, se você permitir isso, é para baixar ebooks pessoais pela rede 3G. Mas depende de como a Amazon trabalha em cada país. No Brasil, por exemplo, esta opção nem existe, ou seja, mesmo se o usuário quiser pagar, ele não tem esta opção.
      Para ter certeza que o serviço para acesso a sites externos ainda esteja disponível, eu acabei de testar no meu Kindle Keyboard e consegui acessar o Google e o GMail (usando a versão mobile em m.gmail.com, que é a que eu uso quando preciso usar no Kindle). Você fez o teste usando o browser experimental? Ele apresentou alguma mensagem de erro?

      Envie uma resposta
  9. Olá! Cris estou muito interessada em comprar principalmente pelo “daí tu clica na palavra e vem a definição dela ou a tradução”. Tu saberias me dizer se para eu usar o dicionário teria que entrar conectado à internet?

    Envie uma resposta
    • Nathalie,
      Peço desculpas pela demora em te responder, eu saí de férias no Natal e estou retornando agora.
      Para usar o dicionário no Kindle, não precisa de Internet, mas a primeira vez que você buscar uma palavra em um determinado idioma você precisa estar conectada sim, para baixar o dicionário gratuito daquele idioma. Depois de baixado, não precisa mais da conexão, pode usá-lo offline.
      Veja mais dicas sobre o dicionário do Kindle neste post:
      http://www.vidasempapel.com.br/como-usar-o-dicionario-no-kindle/
      Abraços!

      Envie uma resposta
      • Ah! Muito clara. Muito obrigada!!! =D
        Abração!

        Envie uma resposta
  10. Pessoal me tira uma duvida =)

    o 3g também funciona o Tradutor (Bing Translate) ?

    O dicionario eu sei que funciona de forma off line, minha duvida é se a função translate funciona.

    Obrigado , ate mais!

    Envie uma resposta
  11. Olá Cris,

    Vendi meu Lev com luz e comprei um Kindle DX grafite, pois preciso ler muitos pdf de materiais.
    Estou muito satisfeito, mesmo que tenha perdido a tela sensível ao toque e a luz de fundo.
    Minha dúvida é a seguinte: caso eu coloque arquivos .pdf/.azw e .mobi manualmente no aparelho e faça o mesmo no Kindle para PC, consigo sincronizar as marcações gratuitamente pelo 3G? Ou teria que pagar por isso?
    O wifi está fazendo uma falta…

    Muito obrigado!

    Envie uma resposta
  12. Cris: estou em dúvida sobre a compra de um kindle. Minha intenção maior é acesso a textos em PDF. Você pensa que vale a pena? Caso sim, que modelo recomenda? Vem a black friday aí e não quero perder a oportunidade. Grata

    Envie uma resposta

Participe e faça seu comentário